Peelings no outono

Peelings no outono

Agora que o outono chegou, os peelings entram em ação como uma tradicional e excelente opção de tratamento para manchas, sardas, renovação celular, controle de oleosidade, controle de acne, linhas finas e até tratamento para estrias. Existem basicamente dois tipos de peelings, os químicos e os físicos.

Os peelings físicos são conhecidos como peeling de cristal, ultrassônico e de diamante, que têm como objetivo principal fazer a esfoliação da epiderme, removendo as células mortas que ficam na camada mais superficial da pele.

Já os peelings químicos consistem na aplicação de ácidos específicos com concentrações ideais que renovam as camadas da pele. Podem ser superficiais, médios e profundos. Os peelings superficiais, indicados para manchas, renovação celular e oleosidade, podem ser feitos de maneira seriada. Já os peelings químicos médio e profundo são realizados por dermatologistas em casos específicos.

A indicação é baseada no tipo de pele e no resultado desejado, sendo muito eficaz associar o peeling de cristal com o peeling químico. Por isso, é importante uma consulta médica dermatológica para avaliar qual agente químico é apropriado para cada paciente.

Fonte: Gisele Lara



CADASTRE-SE PARA RECEBER NOVIDADES E PROMOÇÕES