Existem diferentes tipos de câncer de pele. Os mais comuns são os carcinomas, que felizmente apresentam menor gravidade, e os melanomas, que são menos frequentes, porém mais graves, pois podem se espalhar mais rapidamente pelo corpo.

A maioria dos cânceres de pele ocorre por causa do excesso de exposição aos raios ultravioleta do sol.

A proteção solar ainda é a principal forma de prevenção da doença. Use sempre filtro solar com fator (FPS) igual ou superior a 30 e proteja também os lábios, as mãos e as orelhas. Além disso, consulte periodicamente o dermatologista, pois diagnósticos precoces são fundamentais por apresentar bons índices de cura.

O câncer de pele pode surgir em qualquer pessoa. No entanto, as mais suscetíveis são as que têm um histórico familiar da doença, possuem pele e olhos claros, cabelos loiros ou ruivos, são albinas, têm muitas pintas e, é claro, as que se expõem ao sol e aos agentes químicos excessivamente e sem proteção suficiente.

Cada tipo de câncer de pele exige uma abordagem de tratamento diferente.

Primeiro é feito um diagnóstico, que leva em conta o aspecto clínico da lesão, sua cor, forma e o resultado da biópsia.

Inicia-se então o tratamento, que normalmente consiste na retirada da lesão e do tecido ao redor através de cirurgia.

Nos casos mais graves, são recomendadas sessões de quimioterapia ou radioterapia.

Atenção! Mudanças de cor, formato ou tamanho de uma pinta podem ser sinais de um câncer de pele chamado melanoma. Pintas que sangram, doem ou coçam também podem ser perigosas. Mas fique de olho, pois nem todos os melanomas surgem à partir ou próximos de uma pinta já existente. Em alguns casos, a doença pode aparecer repentinamente em pele sadia. É muito importante o auto- exame frequente de sua pele e a proteção solar com uso de filtros, óculos e chapéus. Além disso, é preciso ir ao médico Dermatologista periodicamente para um exame clínico de toda a pele. Atualmente, a Dermatologia conta com um exame complementar chamado Dermatoscopia, onde é possível detectar sinais de malignidade mais precocemente e precisamente. Quando descoberto no início, o melanoma têm altas taxas de cura. 

Cuide da sua pele e da sua saúde!

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOVIDADES E PROMOÇÕES