O período pós-operatório é fundamental para o sucesso de toda cirurgia. Os cuidados com as recomendações médicas devem ser seguidos para se obter o sucesso de uma recuperação saudável. Neste período, a drenagem linfática é uma excelente aliada na recuperação de uma pessoa em estado pós-operatório. Após uma cirurgia, normalmente retém-se uma quantidade de líquido maior do que o corpo consegue drenar. Sendo assim, as chances de edemas e fibroses aumentam, além do desconforto das dores.

Com a aplicação da técnica da drenagem linfática pós-operatória, além de reduzir a retenção hídrica, há também melhora da circulação sanguínea e até mesmo alívio das dores, além de auxiliar na redução de formação de fibrose e acelerar o processo de cicatrização. Muito indicadas nos pós-operatórios das lipoaspirações, abdominoplastias e próteses mamárias, dentre outras. Pode estar indicado a associação com radiofrequências ou ultrasom estereodinâmico para reduzir ainda mais a chance de fibroses e otimizar o acúmulo de líquidos, pela facilitação da drenagem do excesso de líquidos na região tratada. É necessário passar por uma avaliação criteriosa de uma experiente fisioterapeuta para saber qual o tipo de drenagem e ultrasom ou radiofrequência que poderão ser associados em cada caso. 

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOVIDADES E PROMOÇÕES