Ocorre quando há infecção dos folículos pilosos causada por bactérias ou outros fatores. Apresenta-se como pequenas espinhas em torno de um ou mais folículos pilosos. A maioria dos casos de foliculite é superficial, pode coçar e doer. O dermatologista pode diagnosticar a foliculite apenas olhando a pele, mas em alguns casos é necessário amostras de secreção da lesão para que ela seja analisada em laboratório. O tratamento deve ser recomendado pelo dermatologista e depende do acometimento do quadro, variando desde antibióticos tópicos e/ou orais, anti-inflamatórios e até mesmo o extermínio do pelo nos folículos pilosos através da depilação permanente a laser.

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOVIDADES E PROMOÇÕES